SEJA BEM VINDO

O Portal Buriti agradece sua visita. Volte Sempre.

terça-feira, 1 de março de 2016

REGIÃO - AÇÃO CONJUNTA DAS POLÍCIAS DO MARANHÃO E PIAUI CUMPRE MANDATOS DE PRISÃO DE SUSPEITOS DE SEQUESTRO E MORTE DOS DOIS PRESOS DA DPC DE BURITI E APREENSÃO DE VEÍCULOS E ARMAS EM MIGUEL ALVES - PI. A AÇÃO FOI REALIZADA NA MADRUGADA DE HOJE (01)

Foto reprodução - TV Club

Entre os presos estão o padastro, o irmão e a viúva do empresário Kalleu Torres

O secretário de Segurança Pública do Piaui, capitão Fábio Abreu, anunciou o cumprimento de seis mandados de prisão de pessoas que podem estar envolvidas no assassinato de dois presos que foram sequestrados da Delegacia de Buriti de Inácia Vaz, no estado do
Maranhão, e encontrados mortos em uma lagoa no município de Miguel Alves, no Piauí. 
Foto divulgação
Os corpos dos detentos foram encontrados no dia 15 de fevereiro de 2016 em um povoado de Miguel Alves, a 110 km ao norte de Teresina. As vítimas foram identificadas como Sabino Neto Cardoso dos Santos e Leonardo Vieira Silva, conhecido como "Cafuringa", que estavam presos na delegacia, e foram sequestrados da delegacia por um casal que fingiu querer registrar um boletim de ocorrência. 
A polícia acredita que as vítimas são suspeitas de assassinarem o empresário Kaleu Torres, no dia 9 de fevereiro deste ano. O crime ocorreu em Buriti (MA). 
Além dos seis mandados de prisão, foram cumpridos 14 de buscas e apreensão; foram apreendidos veículos e armas de fogo. As ações aconteceram em Buriti do Maranhão, Miguel Alves e Piracuruca.  A operação é uma parceria entre a Polícia Civil do Maranhão e do Piauí. 
“Essa foi uma ação conjunta entre a Polícia Civil do Piauí e do Maranhão, que hoje de madrugada deu cumprimento aos mandados. Essas pessoas podem estar relacionadas às mortes em Miguel Alves, onde dois corpos foram encontrados em uma lagoa. Estamos em processo de finalização das investigações. A perícia técnica continua no local para identificar o que as testemunhas já repassaram. Os presos serão apresentados à Justiça”, disse o secretário.  
Nesta terça-feira (01) será realizada uma coletiva de imprensa, na sede da Delegacia Geral de Polícia Civil, para repassar mais detalhes dessa operação. 
Carlienne Carpaso

redacao@cidadeverde.com 

Nenhum comentário:

Postar um comentário