SEJA BEM VINDO

O Portal Buriti agradece sua visita. Volte Sempre.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

REGIÃO - EM TERESINA - PI, FAMÍLIA PASSA MADRUGADA COM BANDIDO TENTANDO INVADIR RESIDÊNCIA, CHAMA A POLÍCIA E ELES ATÉ NESSA MANHÃ, NUNCA APARECERAM

Quando se fala, que muitas vezes quem eram para levar segurança para o cidadão, são os primeiros a dar motivos para que a bandidagem aumente, pois em muitos casos, por falta de atuação, os bandidos se sentem à vontade para exercer sua "profissão", muitos acham que falamos muito.
A presente postagem, visa não expor diretamente o drama vivido
por familiares do redator deste PORTAL DE NOTÍCIAS, mais sim, a falta de compromisso de muitos policiais para com o juramento que fazem quando ingressam na corporação.
Minha irmã, com seus filhos, que reside em Teresina, capital do Piauí, teve sua residência (lado externo) invadida por um bandido, na madrugada de hoje, por volta das 1h30m.  
Ela, ao ouvir latidos dos cachorros que ficam no terraço da residência, onde funciona também um salão de beleza, deslocou-se até uma porta de vidro, onde avistou o bandido do lado de fora, vindo em sua direção. 
O muro da casa tem cerca elétrica, mais na frete só tem uns pega-ladrão, que são afiados e que, aparentemente tem também a função de fazer segurança na residência, onde nesse caso não funcionou.
Minha irmã, ao avistar o bandido, saiu gritando, chamando pela polícia e os filhos acordaram. 
Foi aí, que minha sobrinha começou a ligar para a polícia, e dentro de uma hora, fez três chamadas, enquanto os cachorros latiam no exterior da residência.
No face, ela em desespero, avisa o que estava passando naquele momento.
A polícia, que foi acionada e devia dar assistência para o cidadão, que paga seus salários, através dos impostos, nunca apareceu. 
Em resumo, a falta de segurança, que se espalha tanto nas cidades grandes como agora, cada vez mais nas pequenas, vem tornando o cidadão, refém, onde não se sentem seguros nem dentro de sua própria residência e esse, não é um caso isolado, onde muitos já passaram ou irão ainda passar por isso.
Todo esse tempo, o bandido, que já deve ter passado por outras situações iguais,  sentiu-se mais uma vez à vontade, porque sabe que a polícia não age quando é preciso. 
Os cachorros, foi quem fizeram o trabalho de afugentar, ou pelo menos de alertar a todos, com os latidos, e só pararam, quando o meliante foi embora.
Todos estão bem e o bandido, que deve ter se machucado ao pular o muro, levou uma sacola com algo dentro e derrubou a placa do salão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário