SEJA BEM VINDO

O Portal Buriti agradece sua visita. Volte Sempre.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

MAIS UMA COMEMORAÇÃO DO PORTAL BURITI. ALCANÇAMOS 100.000 ACESSOS. OBRIGADO!!!! CONFIRA NESTA POSTAGEM AS 12 MAIS VISITADAS NO DECORRER DO ANO.

Estamos alcançando a marca de 100.000 acessos hoje, dia 03 de dezembro. O PORTAL BURITI depois de 1 ano de sua divulgação, sendo um blog dinâmico, levando notícias a você da cidade, do estado, do Brasil e do mundo só tem a agradecer a todos que nos acessa. Vocês blogs parceiros que muito contribuem, também muito obrigado.
Mais uma vez, divulgaremos o total de acessos atuais tanto no Brasil como no mundo, como podemos observar no gráfico abaixo, mostrando que assim como no Brasil, milhares de pessoas também acessam nosso portal em países distantes.

Visualizações de página por país

Gráfico dos países mais populares entre os visualizadores do blog
EntradaVisualizações de página
Brasil
88364
Estados Unidos
5775
Rússia
990
Alemanha
789
Portugal
319
França
254
Japão
60
Reino Unido
53
Ucrânia
44
Angola
35


Para comemorarmos esse alcance tão expressivo dentro de tão pouco tempo, estarei publicando abaixo as 12 postagens de maiores acessos no decorrer de todo esse período de criação do blog. Diferente de quando  blog completou 1 ano de criação, quando postei as mais visitadas a cada mês. Clique abaixo e confira...

NORDESTE - CASO DOS CANIBAIS DE PERNAMBUCO. CONFIRA FOTOS DO FILME PRODUZIDO PELO TRIO DE ACUSADOS DE ASSASSINATO EM GUARANHUNS-PE

Confira fotos do filme que foi produzido pelos três acusados de assassinar, esquartejar e comer a carne das próprias vítimas em Pernambuco.

Filme Espírito

O ator, escritor, músico e professor de artes marciais Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, de 51 anos, e sua esposa Isabel Cristina Pires da Silveira, de 50, foram presos na semana passada em Garanhuns, cidade a 235 km de Recife. O mesmo casal também é apontado como autores do filme caseiro “Espírito”, de 53 minutos. A produção, onde os dois são protagonistas, narra a história de “Hellen”, uma mulher atormentada pelo espírito do marido, um ator chamado “Emanuel Silveira”.

Clique abaixo e confira fotos e desenhos que mostram o total desequilíbrio desse trio que estão sendo acusados e investigados por assassinato.



Creio que para muito esse filme foi uma obra de Satanás, mas para muito uma “Relíquia” diz o autor.

 Desenhos de Jorge Beltrão





NORDESTE - GRUPO ACUSADO DE CANIBALISMO USAVA CARNE DE VÍTIMAS PARA RECHEAR EMPADAS EM GARANHUNS - PE

 Local onde corpos das vítimas foram encontrados.

Três pessoas foram presas na última quarta-feira (11) no munícipio de Garanhuns, em Pernambuco, acusadas de assassinar, praticar canibalismo e usar a carne das vítimas para rechear empadas e coxinhas que uma das acusadas vendia na cidade. Inquérito investiga oito mortes atribuídas ao 
grupo, que praticava rituais macabros.

Dois corpos foram encontrados enterrados no quintal da casa do trio formado por Isabel Cristina Pires da Silveira, 51, Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, 50, e Bruna Cristina Oliveira da Silva, 25. As vítimas desaparecidadas desde o ínicio do ano eram Gisele Helena da Silva, 31, e Alexandra Falcão, 20. Isabel teria confessado em depoimento que colocava carne humana nos salgados que vendia.


A polícia acredita que o grupo também matou Jéssica Camila, 17, que desapareceu em 2008 na região metropolitana de Olinda. Com o grupo foram encontrados documentos de Jéssica e uma menor de idade, que a polícia suspeita que possa ser a filha da vítima, que também desapareceu em 2008. Há a possibilidade de que a criança de cinco anos também fosse alimentada com carne humana. Agora ela se encontra sob a guarda do Conselho Tutelar.

Além disso, foi encontrado um diário com as práticas do ritual de 'purificação' realizado pelo grupo. As vítimas eram apenas mulheres, pois os criminosos acreditavam que elas tinham "úteros malditos". Depois de matar, o grupo drenava e bebia o sangue da vítima, em seguida desfiavam e comiam por quatro dias a carne. O texto foi registrado em cartório, no final do mês passado, com o título "Revelações de um esquizofrênico".

Parte das anotações que narram trechos dos assassinatos cometidos pelo trio no agreste pernambucano

Os três acusados foram encaminhados para presídios da região e aguardam o julgamento. Negromonte está preso na cadeia pública de Garanhuns, já as duas mulheres estão na Colônia Penal Feminina de Buíque.

REGIÃO - A FUNVAPI DIVULGOU O RESULTADO DO CONCURSO PÚBLICO DE SANTA QUITÉRIA. CONFIRA

Resultado do concurso de Santa Quitéria foi divulgado pela FUNVAPI - Empresa responsável pela aplicação das provas.

Clique abaixo e confira no site da empresa em  concursos realizados, o edital, o gabarito retificado, a concorência, o adendo n. 003/2012 e o resultado dos aprovados e classificados...
http://funvapi.com.br/

BURITI - A SOMAR CONSULTORIA JÁ POSTOU NO SEU SITE A RELAÇÃO DOS INSCRITOS NO CONCURSO PÚBLICO. CONFIRA A RELAÇÃO.



O PORTAL BURITI informa que já se encontra homologados todos os inscritos no Concurso Público. Clique abaixo e confira se seu nome encontra-se já relacionado...


BRASIL - CASO DE ESQUARTEJAMENTO DO EMPRESÁRIO DA YOKI - PERITOS ENCONTRAM VESTÍGIOS DE SANGUE NO APARTAMENTO DA VÍTIMA

Elize Araújo Kitano Matsunaga (Foto: Carlos Pessuto/ Folhapress/ AE)A Polícia de São Paulo fez, entre a noite de quarta-feira e a madrugada de quinta, a reconstituição do assassinato do empresário Marcos Kitano Matsunaga, de 42 anos, diretor-executivo e neto do fundador da Yoki Alimentos. A técnica em enfermagem e bacharel em Direito Elize Matsunaga, 38, que confessou ter matado e esquartejado o marido,
participou de todo o processo, que durou cerca de seis horas. A perícia encontrou vestígios de sangue no apartamento.

Um boneco com a altura e o peso de Marcos foi utilizado na reconstituição, feita no apartamento do 17º andar do prédio, localizado na Vila Leopoldina, Zona Oeste de São Paulo. Segundo os policiais, durante a perícia, Elize declarou que chegou a pensar em avisar a polícia, logo após ter atirado no marido.
Os peritos saíram do prédio com material recolhido e algumas dúvidas esclarecidas.
- Ela falou que arrastou a vítima por um caminho e tinha sangue exatamente nesse caminho. O tiro foi na sala e ela arrastou para um quarto - disse o perito Ricardo Salada.
No local, foram apreendidas 30 armas - entre elas pistolas, fuzis e até submetralhadora -, além de munição para 10 mil tiros.
- Todas legalizadas e regulamentadas para uso de colecionador - afirmou o delegado Mauro Dias, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Para a polícia, a reconstituição demonstra que não houve premeditação do crime e que Elize agiu sozinha e motivada por um um fator emocional ao matar e esquartejar o marido.

CASO YOKI: ÚLTIMAS NOVIDADES E NOTÍCIAS DO ASSASSINATO DO EMPRESÁRIO MATSUNAGA


Caso Yoki: últimas novidades e notícias do assassinato do empresário Matsunaga: O advogado de Elize Matsunaga, Luciano Santoro, contou na manhã desta sexta-feira (8) à equipe do SPTV que ela atirou no marido, Marcos Matsunaga, diretor-executivo da empresa Yoki, depois de uma discussão sobre a guarda da filha do casal, que tem 1 ano.
Na quarta-feira (6), Elize confessou à polícia ter matado e esquartejado o executivo dentro do apartamento
da família, na Zona Oeste de São Paulo.
O advogado deu detalhes sobre a discussão do casal na noite do crime, dia 19 de maio. Ele afirmou que Elize contou para o marido que tinha contratado um detetive particular e que sabia que Marcos tinha uma amante. Segundo o advogado, o marido ficou muito nervoso, deu um tapa em Elize e ameaçou ficar com a guarda da filha, caso eles se separassem. 
O advogado disse ainda que eles viviam uma crise no casamento e que ela já tinha pedido a separação em outras oportunidades. No salão de cabelereiro frequentado por Elize, os funcionários contam que ela chegou chorando e usando óculos escuros quatro dias antes do assassinato.
Nesta segunda-feira (11), a polícia deve voltar ao local onde encontrou partes do corpo de Marcos, em Cotia, na Grande São Paulo, para tentar localizar as malas que Elize usou para transportar os sacos plásticos com o marido morto.
Filha
A filha do casal Matsunaga estava no apartamento na noite de 19 de maio, quando Marcos foi assassinado. Ela dormia em um dos quartos quando o executivo levou um tiro na cabeça após discutir com sua mulher, a bacharel em direito Elize Araújo Kitano Matsunaga, segundo confissão dela à polícia. Peritos realizaram uma reconstitução do crime na quarta-feira (6).
A babá havia sido dispensada por Elize horas antes do crime. “A nova babá chegou às 5h e não percebeu nada”, afirmou nesta quinta-feira (7) o diretor do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Jorge Carlos Carrasco. Em nenhum momento os vizinhos foram procurados pela bacharel em direito, afirma Carrasco.
A criança acordou por volta das 6h30, segundo o advogado da família da vítima, Luiz Flávio D’Urso. Neste horário, a nova babá já havia chegado e estava no quarto para cuidar da menina. “No momento em que houve o disparo, estavam os três no apartamento”, disse D’Urso, referindo-se ao casal e à filha.
“Depois que chegou essa babá, na manhã do dia seguinte, é que a Elize foi para o quarto onde estava Marcos [diretor da Yoki]. Foi aí que, até segundo a própria confissão, ela começou o esquartejamento”, disse D’Urso.
A criança ficou com a babá no apartamento durante as 12 horas em que Elize esteve fora do prédio, no dia 20 de maio, afirma o advogado. A bacharel, que também é técnica em enfermagem, saiu levando três malas contendo as partes do corpo do diretor-executivo.
A polícia não divulgou se já colheu o depoimento das duas babás – a que foi dispensada no dia 19 de maio e a que chegou na manhã do dia 20. Nesta quinta-feira (7), ainda de acordo com o advogado D’Urso, a filha do casal estava no apartamento onde ocorreu o crime, na Vila Leopoldina, Zona Oeste de São Paulo. “Como já houve a perícia, o apartamento foi liberado”, disse. A criança estava no local sob os cuidados de uma tia materna e passava bem.
O advogado afirmou que os familiares de Marcos ainda não pararam para discutir se irão pedir a guarda da criança. Segundo D’Urso, eles estão aguardando o final das investigações policiais para pensar no assunto.
Reconstituição
Após prestar depoimento durante oito horas na sede do DHPP e ter confessado ser autora do homicídio e esquartejamento, Elize foi levada ao edifício onde morava com Marcos e a filha. Ela chegou ao local por volta das 20h55 de quarta-feira (6). Peritos já estavam no apartamento para seguir com o trabalho iniciado na noite de segunda (5), quando utilizaram o luminol, um reagente químico, para procurar manchas de sangue na cozinha, no quarto do casal e na área de serviço. Desta vez, os reagentes foram utilizados nos cômodos apontados por Elize.
Os peritos levaram um boneco para auxiliar na reconstituição do crime, que teve início pouco depois das 21h e terminou às 0h30, de acordo com o delegado do DHPP, Mauro Dias. Aos peritos, Elize indicou o local onde alvejou o marido, por onde o arrastou e onde realizou o esquartejamento. Em todos os pontos indicados, os peritos encontraram vestígios de sangue humano, segundo o perito criminal Ricardo da Silva Salada.
“Todos os locais estavam coerentes com os vestígios encontrados. Ela atirou nele na sala e depois o arrastou até um quarto de hóspede, uma distância de 15 metros. O luminol indicou por onde ela foi arrastado e depois onde o esquartejou, no banheiro da empregada. A versão dela foi comprovada com reagentes. Um destes reagentes comprovou que se trata de sangue humano. Agora o exame de DNA deverá comprovar que é o sangue do Marcos. Com a simulação, temos a comprovação de toda a dinâmica do crime”, disse Salada.
Segundo o perito criminal, a arma utilizada no crime, uma pistola .380, estava em uma gaveta na sala onde ocorreu o homicídio. Elize teria se emocionado em alguns momentos da reconstituição. “Mas creio que muito mais por preocupação do que vai ocorrer com a filha. Em termos de arrependimento, não me pareceu”, disse. Pouco antes da 1h da madrugada de quinta, Elize saiu em um carro da Polícia Civil e foi levada para a delegacia de Itapevi, na Grande São Paulo.
O delegado do DHPP Mauro Dias acompanhou a reconstituição e a conclusão do trabalho da perícia, finalizado totalmente às 2h30, no apartamento. “Ela apontou e detalhou tudo sobre o que ocorreu no dia dos fatos. Inclusive, carregou malas com pesos aproximados com os dias do crime. Agora vamos em busca de provas que confirmem ou não a versão dela”, disse Dias.
A polícia retirou do apartamento 30 armas, entre elas pistolas, fuzis e até submetralhadora, que faziam parte da coleção do diretor-executivo da Yoki, por uma medida de segurança. “É para a tranquilidade dos moradores. As armas vão ser guardadas no cofre do DHPP e consultaremos o Exército sobre qual o procedimento a ser tomado. As armas são todas regularizadas e autorizadas para uso de colecionador”, afirmou Dias.
Imagens divulgadas
Polícia Civil divulgou na noite desta quarta as imagens das câmeras de segurança de um prédio na Vila Leopoldina, na Zona Oeste de São Paulo, que mostram o que aconteceu antes e após a morte do diretor-executivo da Yoki.
As imagens do edifício onde o casal morava mostram Marcos entrando no prédio no dia 19, mas não registram sua saída. No dia seguinte, a gravação mostra Elize saindo do elevador, levando três malas com rodinhas. E mostra também a volta dela, 12 hora depois, sem as malas (confira a cronologia na arte ao lado).
Traição
Durante o interrogatório nesta quarta, que durou cerca de oito horas, Elize disse à polícia que matou o marido com um tiro na cabeça após discutir com ele por causa de uma suposta traição, segundo Carrasco, diretor do DHPP. A mulher afirmou ainda que foi agredida pelo executivo e que, por isso, atirou.
“Não houve premeditação, houve uma briga”, disse o diretor do DHPP. Questionado sobre o fato de nenhum vizinho ter ouvido o som do disparo, Carrasco respondeu que o apartamento, além de ter uma área grande (é um triplex), tem janelas antirruído.
A Justiça concedeu a prorrogação da prisão de Elize por mais 15 dias. A mulher contou em depoimento que, após atirar no executivo, arrastou o corpo até um quarto, onde usou uma faca de 30 centímetros para esquartejá-lo. “Por ser conhecedora de anatomia humana, por ter feito um curso de enfermagem, ela pegou uma faca e cortou nas juntas, nas cartilagens”, disse Carrasco.
A ausência de sangue, segundo o delegado, deveu-se ao tempo passado entre a morte e o desmembramento. “Ele já estava com rigidez cadavérica. O sangue estava coagulado.” Segundo relato dela à polícia, as partes foram colocadas em três malas e espalhadas em uma área de mata em Cotia, na Grande São Paulo.
A pistola usada no crime vai ser periciada e já está com os policiais. Segundo Carrasco, a mulher contou que a arma foi um presente do marido. Ambos praticavam tiro e o empresário tinha uma coleção de armamentos. O delegado acrescentou que Matsunaga, assustado com as notícias de arrastões em condomínios, deixava por precaução armas espalhadas pelo apartamento e que uma delas foi a que o matou.
Em depoimento, Elize disse ter feito tudo sozinha. Para Carrasco, sua versão é convincente. “Não tenho dúvida da autoria nem da materialidade. Acredito que ela agiu sozinha.” A babá da filha do casal que havia sido dispensada também deve depor.
Desde o dia em que foi presa, o G1 tenta contato com o advogado de Elize.
Detetive particular
A polícia tenta identificar o detetive particular que foi contratado por Elize para investigar se o excutivo a traía. Ele é procurado para que seja intimado a prestar depoimento sobre seu trabalho. Policiais informaram à equipe de reportagem do G1 que o profissional seguiu o executivo e comprovou a infidelidade dele. Fotos e relatórios sobre três supostas amantes foram enviadas para a bacharel. No computador da vítima, peritos da Polícia Técnico-Científica identificaram acessos a sites de prostituição. Informações do G1.

BURITI - ESTÁ CHEGANDO A HORA DAS CONVENÇÕES PARTIDÁRIAS - CONFIRA OS PRÉ - CANDIDATOS A PREFEITO DO GRUPO NENÉM MOURÃO



São de praxe, neste período que antecede às convenções partidárias, as articulações e movimentações tensas em torno dos preparativos da festa de homologações de candidaturas a cargos eletivos nas próximas eleições. 
Em Buriti de Inácia Vaz, o grupo político, liderado pelo o prefeito Francisco Evandro Freitas Costa Mourão, o Neném Mourão, (foto) PRB, se mobiliza para fazer sua convenção partidária, mas sem muita inquietação. 
Prudência, articulação e acima de tudo, trabalho, cacifa os governistas na luta. Segundo alguns correligionários do grupo político do prefeito Neném Mourão, os critérios (o que estiver em melhor condições na pesquisa será o candidato) que apontarão o candidato e posteriormente a chapa majoritária do grupo, estão em fase de conclusão. O mistério em torno do sucessor “do” Mão de Graxa, ”(Nome que
deram a Neném por ser mecânico) está chegando ao fim. Dia 30, (último dia permitido pela a justiça eleitoral, para fazer convenções partidárias), está previsto pra acontecer o ato político dos governistas buritienses.
Grandes expectativas se firmam em torno dos bastidores em relação à disputa da sucessão de Neném Mourão. De posse de uma ampla aliança política construído com trabalho e desenvolvimento o grupo de Neném Mourão desponta como favorito entre as massas populares, que viram e participaram da grande quantidade de investimentos trazido em obras para Buriti nestes últimos 8 anos.

Por Portal Buriti
Em reunião com vereadores e lideranças políticas realizada no último dia 11 de junho (segunda), foi aberto pelo Prefeito Neném Mourão espaço para quem dos partidos que farão parte da coligação fizesse sua manifestação para se pré candidatar a prefeito e apresentaram-se para uma pesquisa popular, onde os 1º e 2º colocados serão os  candidatos a prefeito e vice respectivamente, os seguintes nomes:
Assis da Brahma
César Costa
Edilson Antero
Francisca Valdilene
Genilson Gouveia
Helena
Luizinho Caetano 
Procrécio Mourão
Rafael Mesquita
Raimundo Camilo

BURITI - VEREADOR LAURIEL FREITAS FAZ NOVAMENTE DOAÇÃO DE UM CELULAR PARA O COMANDO DA POLÍCIA MILITAR DA CIDADE

O vereador Lauriel Freitas fez entrega de um celular completo (câmara fotográfica, filmadora e gravador de voz) para o Comando da Polícia Militar de Buriti, para o Sargento Florismar. Assim como no início de 2010, quando também fez a doação de um outro celular com o número sugerido do DISK POLÍCIA 81006963 que continuará o mesmo, o objetivo é fazer com que a população tenha contato direto com o plantão policial no caso de ocorrências. O outro celular não tinha as funções do atual e já encontrava-se deteriorado por causa do tempo, e na manhã do dia 13 de julho (sexta - feira), fez a entrega para os policiais de plantão, Sargento Florismar e Cabo Chagas, visando o início de seu uso no período dos festejos de Nossa Senhora Sant'Ana que se aproxima.


REGIÃO - ALERTA EM RELAÇÃO AOS FORAGIDOS DA DELEGACIA DE COELHO NETO - DISQUE DENUNCIA 03003135800 - 98 3223-5800 - DISQUE POLÍCIA BURITI - 81006963

OPINIÃO PORTAL BURITI.
Existe grande flagilidade em nossas delegacias. Quando reclamamos, quando exigimos mais segurança e mais empenho dos profissionais de segurança, às vezes nos tornamos até chatos, mais por amor de nossos descendentes, vamos ficar mais atentos e se empenhem ao verdadeiro compromisso que vocês juraram...
A seguir total incompetência e insegurança das delegacias e carceragens em todos os municípios de nosso tão amado BRASIL... Nossa região tá cheia de foragidos...
CLIQUE ABAIXO, CONFIRA E DENUNCIE...
Por CN1

Preso em maio deste ano em Afonso Cunha-MA, Paulo Sérgio dos Santos Abreu, vulgo "Irmão ou Pastor", fugiu  na última terça-feira (18), da delegacia da cidade de Coelho Neto, MA. Paulo Sérgio é acusasado da morte do vendedor de comésticos, Marcos Paulo Rosa de Sousa,  35 anos,  assassinado em janeiro deste ano em  Brejo-MA. O corpo foi  encontrado em um lixão como informou  com exclusividade o Blog CN1. Na época,  a juíza Maria da Conceição Rêgo, da Comarca da cidade de Brejo, determinou a prisão preventiva do acusado.
Além de Paulo Sérgio, outros três presos fugiram da carceragem da cadeia pública. De acordo com o Portal Coelho Neto, o Delegado Regional de Caxias,  Celso Rocha, está a frente das  investigações com apoio da polícia militar com intuito de prender os fugitivos.

Veja nomes e fotos dos outros três indivíduos 


PROCURADO
ALEXANDRE SOUSA DE OLIVEIRA, vulgo FELIPE. NATURAL DE CAXIAS-MA, FORAGIDO DA DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL DE COELHO NETO/MA.
POR VOLTA DAS 03:00 HORAS, MADRUGADA DE 18/06/2012
ASSALTANTE DE MOTOCICLETAS


PROCURADO
FRANCISCO DE ASSIS ALVES DOS SANTOS, vulgo DIASSIS. NATURAL DE COELHO NETO. FORAGIDO DA DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL DE COELHO NETO/MA
POR VOLTA DAS 03:00 HORAS, MADRUGADA DE 18/06/2012


PROCURADO
FRANCISCO CHARLES OLIVEIRA DA SILVA, vulgo CHARLES. NATURAL DE AFONSO CUNHA-MA.
FORAGIDO DA DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL DE COELHO NETO/MA
POR VOLTA DAS 03:00 HORAS, MADRUGADA DE 18/06/2012

BURITI - PREFEITO NENÉM MOURÃO E O GRUPO DO 10 REALIZA UMA CAMINHADA DA RUA DA BANDEIRA ATÉ O LOCAL DO ÚLTIMO COMÍCIO E É ACOMPANHADO POR MILHARES DE AMIGOS

Ontem, 4 de outubro foi realizado o último comício da Coligação Buriti não pode parar, onde depois de uma caminhada com saída da rua da Bandeira até a praça conhecida como praça do Mourão, onde a comitiva do 10 foi acompanhada por milhares de pessoas a pé para a realização de mais um mega comício.
 Secretário de Educação Romildo Júnior e nosso amigo Izael Vieira
Empresários apoiam Rafael Mesquita. Chico da Loja, Márcio da Radical Motos e Chagas do Machado no palanque do 10
A última passeata será realizada amanhã, dia 6 de outubro a partir das 17h00 e teremos a presença mais uma vez de nossos amigos onde está previsto pra ser a maior carreata de todos os tempos em nossa cidade. Breve postagem...

 Clique abaixo e  confira mais fotos...


BURITI - COLIGAÇÃO BURITI NÃO PODE PARAR REALIZA GRANDE CARREATA HOJE, DIA 6 DE OUTUBRO ATRAINDO MILHARES DE SIMPATIZANTES DO 10

Para fechar com chave de ouro a limpa campanha da comitiva do 10, foi realizada hoje dia 6 na véspera da eleição, uma grande carreata em Buriti que contou com a participação de milhares de militantes e simpatizantes do grupo de Neném Mourão, consagrando assim a preferência do buritiense pela continuidade do trabalho do prefeito e apoio a Rafael Mesquita, o seu futuro sucessor na prefeitura.
A carreata contou com a participação de milhares de buritienses, além da presença do prefeito de Coelho Neto Soliney Silva e do Ministro do Turismo, deputado Gastão Vieira.
Depois da carreata, onde a coligação Buriti não pode parar parou literalmente nossa cidade, com certeza o eleitor que estava indeciso fez sua escolha.
O candidato a prefeito Rafael ao se aproximar da Igreja Matriz de Sant'Ana ajoeelhou-se em um gesto de agradecimento pela benção e proteção por ela recebida no decorrer da campanha.
Clique abaixo e veja mais fotos dessa que foi a maior carreata política já realizada em Buriti...




MARANHÃO - HOMEM QUE MATOU EX-MULHER EM MIRINZAL É MORTO E ESQUARTEJADO PELA POPULAÇÃO

Foto reprodução


SÃO LUÍS - Nilton Pinheiro Cardoso, de 46 anos, foi morto e esquartejado pela população na noite dessa quarta-feira (14), na cidade de Mirinzal, no Maranhão. Nilton Pinheiro é acusado de ter esfaqueado a ex-mulher, Josenilde Mendes Abreu, de 24 anos, por não aceitar o fim do casamento. Josenilde Mendes, que era professora na cidade de Mirinzal, morreu na hora. Nilton Pinheiro, também, teria esfaqueado a
sogra Antônia Mendes Abreu, que chegou a ser socorrida e encaminhada para o hospital.
A população, revoltada com o crime cometido por Nilton Pinheiro, começou uma busca pelo principal assassino da professora e, quando o encontraram, esfaquearam e esquartejaram.
Imirante, com informações da Mirante AM

Nenhum comentário:

Postar um comentário